Superfícies interativas: o futuro das relações profissionais?

A microsoft surface já foi lançada há muito tempo (maio de 2007, apenas alguns meses após o iphone) mas ainda é um conceito interessantíssimo: uma plataforma de interação em superfícies amplas, com utilizações profissionais que podem representar uma otimização no uso do tempo e de bancos de dados (afinal, gerir informações é uma habilidade cada vez mais necessária). Seria um complemento ao apelo da mobilidade dos tablets? O tempo – e o barateamento da tecnologia – provavelmente mostrarão que sim.

 

Confesso que achei bem legal a possibilidade de definir ou interferir em projetos assim. Fascinante!

Sobre Heron Félix
Só um cara inquieto por novas tecnologias e pesquisas relacionadas a arquitetura e engenharia.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 2.398 outros seguidores